Pular para o conteúdo principal

As cenas mais difíceis de gravar dos últimos tempos

        Em meio a constante evolução das superproduções de Hollywood, cada vez mais vemos filmes cheios de CGI, ação, lutas coreografadas e muita Destruição. De fato, esse tipo de cena se tornou tão comum que qualquer explosão já não agrada facilmente os cinéfilos, elas precisam ser bem produzidas para se destacarem, e é claro, compor parte de uma boa história. A criatividade dos cineastas é posta a prova, e aqueles que dão asas à imaginação conseguem criar imagens inesquecíveis para qualquer espectador. Engana-se quem pensa que a tecnologia tornou fácil produzir esses momentos de tirar o fôlego, afinal, tudo envolve muito trabalho, tempo e principalmente dinheiro. Confira algumas das cenas mais difíceis de gravar dos últimos tempos:

3- Cena do prédio em "Missão Impossível: Protocolo Fantasma"


            É impossível pensar em "Missão Impossível: Protocolo Fantasma" sem lembrar-se da famosa cena onde o agente Ethan Hunt (Tom Cruise) escala e corre em torno do prédio mais alto do mundo, em Dubai. Obviamente, as gravações foram um desafio, mas Cruise parece não ter ficado tão tenso, visto que ele rejeitou o trabalho de um dublê, sendo o próprio ator quem aparece ao longo de toda a sequência.

2- Cena do corredor giratório em "A Origem"


          Um dos maiores sucessos do cineasta Christopher Nolan, e particularmente um dos meus filmes favoritos, "A Origem", não poderia faltar nessa lista. Com diversas sequências e takes muito bem produzidos, uma das melhores e mais difíceis cenas de serem criadas no filme foi a da luta no "corredor giratório" enquanto a van capota. O mais impressionante é o fato de que não foram utilizados efeitos gráficos para fazer o cenário rodar, ele estava realmente se movendo dessa maneira, e foi criada uma grande estrutura que permitia a movimentação do local. 
         Além de grandes dificuldades relacionadas à iluminação e filmagem de um cenário giratório, ainda podemos citar o problema dos atores, que precisaram lutar enquanto eram jogados para cima e para baixo constantemente.

1- Cena da explosão da mansão em "X-Men Apocalipse"


           Com o sucesso da cena do poderoso velocista "Mercúrio" brincando com os tiros ao som de "Time in a Battle" em "X-Men: Dias de um Futuro Esquecido", o diretor Bryan Singer resolveu repetir a ideia no filme seguinte da série ("X-Men Apocalipse") de forma maior e mais complexa.                                      Para gravar a cena de 3 minutos, foram gastos 45 dias, tudo para mostrar o mutante salvando todos os estudantes da escola Xavier, na explosão do local, com seu poder de super-velocidade. A sequência se passa em câmera lenta para que possamos ver cada detalhe enquanto a mansão se desfaz em chamas, e Evan Peters acabou sendo o ator que mais trabalhou no filme por conta dela.

E você, lembra de mais alguma cena icônica que não foi citada? Deixe nos comentários, e não esqueça de comparilhar o post em suas redes sociais!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

3 filmes nacionais que você precisa assistir!

Pense nos 5 últimos filmes que você assistiu. Destes 5, quantos eram brasileiros?Provavelmente uma quantidade desproporcional à de produções hollywoodianas.


          Filmes clichês, roteiros vazios, atuações de pedra, humor fútil, história fácil e cara de novela das 9, infelizmente isso tem definido as produções nacionais mais conhecidas. Se engana aquele que pensa que tudo o que vem daqui no cinema pode ser classificado assim.
        Fugindo das comédias da Globo Filmes, e deixando de lado "Cidade de Deus, "Carandiru", "Tropa de Elite", e outros que costumam dar a cara em listas do tipo, há diversas produções nacionais que discutem temas sérios, tem boas histórias e trazem a verdadeira 7ª arte para cenários daqui de dentro, basta pegar a pipoca, e mergulhar neles.

3: Central do Brasil
           Lançado em 1998, é uma das provas de que a frase "Filme bom nunca fica velho" é verídica. Indicado ao Oscar de melhor filme estrangeiro, ao de melhor atri…

Modern Times Forever: Conheça o filme mais longo da história!

Se você assistiu "O Senhor dos Anéis:O Retorno do Rei", e já achou que 3h30 de duração eram muito, saiba que há filmes que fazem o longa de Peter Jackson parecer um curta. Você já parou para pensar qual é a duração do filme mais longo já produzido na história? É muita coisa, então prepara a pipoca e uma internet muito boa se quiser assistir à esse recordista.
           O dono deste recorde se chama "Modern Times Forever" e tem a absurda duração de 240 horas (10 dias). Dirigido por Jakob Fenger, ele mostra o passar do tempo da sede da empresa Stora Enso. Ele foi exibido apenas uma vez, na fachada do prédio tema do documentário.
O título não deve ficar com "Modern Times Forever" por muito tempo, visto que em 2020 o diretor Anders Weberg pretende lançar uma produção com inimagináveis 30 dias de duração!!! Chamado Ambiancé, ele será um filme experimental que basicamente exibirá imagens abstratas e artísticas. Seu trailer tem 7 horas de duração, dando…